SIGA NOSSAS REDES SOCIAIS

PREVISÃO DO TEMPO

? ºC Marcelandia - MT
Titulo fixo

✦ Coluna do médico

Marcelândia 12/07/2018 18:04 youtu.be

O médico Dr. Carlos Xavier Casula fala sobre Doenças Renais

A cólica renal, com dor no flanco e costas é muito característica, quase sempre com sangue na urina e em certos casos pode haver eliminação de pedras.

 O ser humano possui dois rins, cada um do tamanho de um punho fechado. Eles estão localizados dos dois lados da coluna, logo acima do cóccix. Cada rim pesa apenas 113 gramas, mas tem um papel importantíssimo e crítico na sua saúde. Quando o funcionamento do seu rim começa a falhar, você precisa ser encaminhado e tratado por um especialista em rim. Seus rins são órgãos vitais. 
Pense neles como os limpadores de seu corpo: filtram os resíduos, toxinas e fluidos excedentes do sangue. Este, por sua vez, flui para seus rins através das artérias renais e sai pelas veias renais. Renal é o termo médico que significa “relacionado com os rins”. Todo dia, os rins produzem em torno de 1 a 2 litros de urina, que contém resíduos e fluidos excedentes. A urina sai dos rins através de tubos chamados ureteres e é mantida na bexiga. Depois, deixa a bexiga através de outro tubo, chamado de uretra, quando você urina. Isso é chamado de sistema urinário.
Sinais e sintomas
As doenças renais com frequência permanecem silenciosas durante muitos anos, sem sinais ou sintomas reconhecíveis ou com sinais muito genéricos. Por isso, é muito importante fazer exames de rotina. Eles podem revelar sangue ou proteínas na urina ou níveis elevados de creatinina e de ureia no sangue, que são sinais precoces de lesão renal. Entretanto, alguns avisos de doença renal não devem ser ignorados. É necessário procurar um médico imediatamente quando ocorrem:
- Inchação (edema), especialmente em torno dos olhos ou na face, nos pulsos, no abdome, nas coxas e nos tornozelos
- Urina com espumosa, sanguinolenta ou cor de café
- Diminuição do volume urinário
- Problemas durante a micção, como queimação ou secreção anormal, ou alteração da frequência urinária, especialmente à noite
- Dor no meio das costas (flanco), abaixo das costelas, perto da localização dos rins
- Hipertensão arterial
Confira as principais doenças do rim e suas características mais comuns 
 - Nefrite
Caracteriza-se pela presença de albumina e sangue na urina, edema e hipertensão.
 -Infecção Urinária
O paciente se queixa de dor, ardência e urgência para urinar. O volume urinado torna-se pequeno e freqüente, tanto de dia como de noite. A urina é turva e mal cheirosa podendo surgir sangue no final da micção. Nos casos em que a infecção atingiu o rim, surge febre, dor lombar e calafrios, além de ardência e urgência para urinar.
- Cálculo Renal
A cólica renal, com dor no flanco e costas é muito característica, quase sempre com sangue na urina e em certos casos pode haver eliminação de pedras.
- Obstrução Urinária
Ocorre quando há um impedimento da passagem da urina pelos canais urinários, por cálculos, aumento da próstata, tumores, estenoses de ureter e uretra. A ausência ou pequeno volume da urina é a queixa característica da obstrução urinária.
- Insuficiência Renal Aguda
É causada por uma agressão repentina ao rim, por falta de sangue ou pressão para formar urina ou obstrução aguda da via urinária. A principal característica é a total ou parcial ausência de urina.
- Insuficiência Renal Crônica
Surge quando o rim sofre a ação de uma doença que deteriora irreversivelmente a função renal, apresentando-se com retenção de uréia, anemia, hipertensão arterial, entre outros.
- Tumores Renais
O rim pode ser acometido de tumores benignos e malignos. E as queixas são de massas palpáveis no abdômen, dor, sangue na urina e obstrução urinária.
- Doenças Multissistêmicas
O rim pode se ver afetado por doenças reumáticas, diabete, gota, colagenoses e doenças imunológicas. Podem surgir alterações urinárias em doenças do tipo nefrite, geralmente com a presença de sangue e albumina na urina.
- Doenças Congênitas e Hereditárias
Um exemplo dessas doenças é a presença de múltiplos cistos no rim (rim policístico).
- Nefropatias Tóxicas
Causadas por tóxicos, agentes físicos, químicos e drogas. Caracterizam-se por manifestações nefríticas e insuficiência funcional do rim.
Tratamento
O tratamento varia com o tipo de doença renal. Em geral, o diagnóstico precoce melhora os resultados. Talvez seja necessário estabelecer restrições na alimentação (restrições  dietéticas), prescrever medicamentos e fazer cirurgias. Se os rins não conseguem mais eliminar resíduos e água, faz-se diálise diversas vezes por semana, seguida de transplante renal. O controle do diabetes melito e da hipertensão arterial é muito importante para evitar ou minimizar lesão renal.
Cidade News Online

Titulo fixo
Titulo fixo

SIGA NOSSAS REDES SOCIAIS

Cidade News Online

Rua Londrina - 341 - Marcelândia

(66) 9999-41856

contato@cidadenewsonline.com.br

Copyright © 2012/2018 - CIDADE NEWS ONLINE - TODOS O OS DIREITOS RESERVADOS AO PORTAL
CONTATO@CIDADENEWSONLINE.COM.BR 

Titulo fixo
versão Normal Versão Normal Painel Administrativo Painel Administrativo